As Cicatrizes


Cuidando das Cicatrizes

Não existe cirurgia sem cicatriz, porém, em cirurgias plásticas este é um tema da maior importância e todas as medidas possíveis são tomadas para a melhor evolução cicatricial possível. Isto compreende o correto posicionamento das incisões (em locais menos visíveis), o delicado manuseio dos tecidos durante a cirurgia, o uso de material adequado na cirurgia e a utilização de medicações e/ou tiras de silicone (em alguns casos).


Para melhor esclarecer sobre a evolução cicatricial, vamos relatar os diversos períodos pelos quais as cicatrizes infalivelmente passarão:

  • Período imediato
    Ocorre até o 30º dia após a cirurgia e apresenta-se com aspecto pouco visível. Alguns casos apresentam uma discreta reação aos pontos ou ao curativo.
  • Período mediato
    Ocorre do 30º dia após a cirurgia até o 12º mês. Neste período há o espessamento natural da cicatriz, bem como se inicia uma mudança de cor, passando para mais escuro (do vermelho para o marrom) que vai, aos poucos, clareando. Este período - o menos favorável da evolução cicatricial - é o que mais preocupa as pacientes. Como não podemos apressar o processo natural da cicatrização, recomendamos às pacientes que não se preocupem, pois, o período tardio se encarregará de diminuir os vestígios cicatriciais.
  • Período tardio
    Ocorre do 12º após a cirurgia ao 18º mês. Neste período, a cicatriz começa a tornar-se mais clara e menos consistente, atingindo, assim, o seu aspecto definitivo. Qualquer avaliação do resultado definitivo da cirurgia, no tocante à cicatriz, deverá ser feita após este período.

Tem Alguma Dúvida? Entre em Contato Conosco

Marcar Consulta